Data Analytics: o motor para impulsionar os negócios

categoria

Negócio Digital

autor

Renata Coelho

tags

B2B, B2C

No mundo atual, o Data Analytics já não se pode ver como uma estratégia organizacional mas sim como um meio necessário à sobrevivência e sustentabilidade de qualquer negócio.

Num dos nossos artigos anteriores, em que falamos sobre Business Intelligence, abordamos o conceito de “Information Overload”, provavelmente um dos desafios mais comuns para as empresas hoje em dia. O “Information Overload” define o grande volume de dados, muitas vezes desagregados, que não acrescentam qualquer valor ao negócio se não forem corretamente tratados.

O que qualquer gestor de empresa precisa é de informação útil, estruturada e credível para desenvolver uma estratégia de negócio que permita tomar decisões acertadas e no timing certo.

 

A essência do Data Analytics

 

Data Analytics, em português , análise de dados, entende-se como o processo de análise de dados que é  feito após a recolha e tratamento dos mesmos. Esses dados são provenientes tanto do ambiente interno como externo da organização e são cruzados e interpretados por ferramentas e algoritmos de elevado desempenho.

O principal objetivo do Data Analytics passa por detetar informações valiosas sobre os clientes: os seus comportamentos, tendências de mercado, entre outros. Agir antes da concorrência para obter vantagem competitiva passa a ser possível se a análise for bem realizada.

 

“Analytics Accelerates Into the Mainstream”

Analytics Accelerates Into the Mainstream” (o que em português se poderia traduzir em “a entrada do Analytics nos processos mais convencionais das empresas”),  é o nome de um estudo realizado pela Forbes Insights e pela Dun & Bradstreet que analisou a aceitação e adoção do Data Analytics por executivos de empresas das mais variadas áreas de atuação e localizadas na América do Norte, Reino Unido e Irlanda. A recolha de informação foi feita em Março de 2017 e alguns dos resultados são:

  • Os executivos percebem a importância da análise de dados e estão a investir em tecnologia, pessoas e processos.
  • A falta de competência na análise de dados persiste. 27% dos profissionais inquiridos afirmam que este é o principal impedimento para as suas iniciativas relativas à análise de dados.
  • A análise de dados já faz parte de todos os departamentos das empresas.
  • 23% dos profissionais de análise de dados ainda utilizam o sistemas como o Excel como a sua principal ferramenta de trabalho.
  • Os recursos humanos são o principal fator para o sucesso da análise de dados.

Data Analytics: uma oportunidade para crescer

 

Saber interpretar os dados, saber filtrar os dados e saber utilizar os dados é cada vez mais uma obrigação para as empresas atuais. É também uma mudança na cultura organizacional e que requer um esforço que vai desde os gestores de topo aos diversos departamentos que compõem a empresa.

O Data Analytics impulsiona o crescimento das empresas, é um facto. Desde a captação de novas necessidades do consumidor que dão origem a novas ideias de negócio, à revitalização de outros. Os CEOs devem adotar este sistema como a essência vital para o sucesso das suas empresas, envolvendo equipas e apresentando resultados. O mundo corporativo atual exige melhores práticas de análise, melhor tecnologia, melhores profissionais e investimentos mais bem empregues.

 

“Information is the oil of the 21st century,
and analytics is the combustion engine.” 

“A informação é o óleo do século XXI,
a análise é o motor de combustão.”

Peter Sondergaard, Senior Vice President,
Gartner Research